SEGUIDORES DE CAMINHADA

quinta-feira, 3 de março de 2011

Quebra cabeça


- (pergunta feita por um de meus professores de ginásio, em aula)





-Um passarinho estava cantando num galho de uma árvore. Um gato que estava à espreita tentou sorrateiramente subir na árvore para pegá-lo. Nesse instante, um cão, que estava do outro lado da rua, partiu depressa em direção ao gato. Um motorista, ao desviar seu carro do cão para não atropelá-lo, bate em outro carro, gerando confusão no trânsito.

A pergunta é: de quem é a culpa do acidente?

(obs.: a questão era apenas uma brincadeira filosófica, no sentido de nos fazer raciocinar sobre outras coisas. Não houve resposta para a mesma).


Juiz de Fora, 01 de março de 2011.
Evaldo de Paula Moreira
Reflexões

2 comentários:

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Evaldo, seu professor era um Filósofo da melhor qualidade! Era um verdadeiro Mestre!

Como eu amo filosofia, habilitei-me ao exercício aí do post, e saio em defesa d'ocês pequeninos.

Eis minha resposta: a culpa pelo acidente foi tão-só da FELICIDADE do passarinho cantador.

A propósito, já reparou como ela, a felicidade da gente, incomoda tanta gente que, vendo isso e andando pelas calçadas da vida, se descuida e tromba até em postes?

Parabéns a você pela sublime lembrança.
abs

Dom Quixote (Thomaz) disse...

Bem vindo com suas ilustrações ao nosso blog, Evaldo Agora, a culpa é do professor por ter feito esta pergunta, sem solução!