SEGUIDORES DE CAMINHADA

quarta-feira, 4 de abril de 2012

O Sempre: o ontem, o hoje, o amanhã. Reflexões






O sempre: o ontem, o hoje, o amanhã. 

Está feita a História, que se passa calada, soterrada no tempo, porque o ontem já passou.
O agora está a acontecer para ser o ontem do amanhã.
Em qualquer momento podemos escavar na memória, mas o que passou, passou. A imaginação voa em asas que se abrem e se fecham para construir o porvir. Levam desejos, vontades. Algumas se materializam, outras ficam apenas armazenadas na memória. O coração e os olhos servem para nos alegrar ou entristecer. Então se faz importante viver intensamente cada instante, da melhor maneira possível, pois o amanhã será um componente da esperança que se renova a cada dia. O passado deixa saudades ou tão somente lembranças diversas, alicerces para tecer a expectativa do que virá.

Juiz de Fora, 04 de abril de 2012.
Evaldo de Paula Moreira
Reflexões