SEGUIDORES DE CAMINHADA

domingo, 1 de abril de 2012

Desenho livre - expressões





Meus desenhos são assim meio malucos mesmo.
De repente surge uma vontade de fazer uns rabiscos digitais, sem compromisso com a arte, porque artista talentoso já nasce feito, eu creio.
E então, do nada (que dizem não existir), saem umas figuras assim, aleatórias.
Às vezes penso em desenhar um passarinho e os traços vão mudando e acaba saindo um navio. Até que gosto, pois não quero ser muito certinho e acabar sendo prisioneiro de mim mesmo, tal qual a aranha que constrói uma teia perfeita para viver na constância da solidão, embora acredite ser importante algum momento de recolhimento para reflexões e refazimento. Vejo que há espaços para expor esses rabiscos, desenquadrados das formas acadêmicas. Sem críticas a elas, pois aprecio e admiro as artes dos artistas que se esmeram em aperfeiçoar a beleza de seus traços, no papel ou nas telas, ou ainda, em qualquer objeto, pois a arte se expressa sob várias formas.

Juiz de Fora, 01 de abril de 2012
Evaldo de Paula Moreira
Desenho livre- expressões